Foto: Letícia Teixeira / PMSCS

 

Expectativa e orgulho. Esses sentimentos dominaram a apresentação de projetos que alunas da rede municipal de ensino de São Caetano fizeram no gabinete do prefeito nesta quinta-feira (30/6).

A expectativa das participantes era pela oportunidade, inédita, de apresentarem pessoalmente ao prefeito os aplicativos para celular que elas desenvolveram para a Technovation Girls, maior competição de tecnologia do mundo voltada exclusivamente a meninas. Antenadas quanto às questões sociais, elas também estavam ansiosas para conhecer o deputado Thiago Auricchio, por ser o autor do Código Paulista de Defesa da Mulher.

E o orgulho era o sentimento dominante entre todos os que assistiram às apresentações, a começar pelo prefeito: “Estamos vendo um aplicativo mais interessante que o outro, contemporâneos, que visam melhorias para a cidade e que protegem as minorias”, entusiasmou-se.

Com o objetivo de proporcionar inclusão digital, o Technovation Girls permite que meninas do mundo todo tenham a oportunidade de aprender e aplicar as habilidades necessárias para resolver problemas do mundo real por meio da tecnologia. Assim, os aplicativos desenvolvidos ao longo da competição têm propósitos sociais.

O deputado estadual também ficou animado com o potencial demonstrado pelas participantes da competição – 17 meninas entre 8 e 14 anos de idades, estudantes de três escolas: EMEFM Oscar Niemeyer, EMEF 28 de Julho e Colégio USCS.  “Que a nossa cidade cada vez mais tenha condições de preparar os nossos jovens para o futuro. A participação na Technovation Girls, o interesse pela tecnologia, será um diferencial quando forem buscar espaço no mercado de trabalho. Fico feliz com o desenvolvimento do aplicativo de combate à violência doméstica, pela causa animal e outros. Quero estar junto e contribuir com todas vocês neste processo”, disse o deputado.

 

APRENDIZADO

As meninas foram ao Gabinete acompanhadas de familiares, professores e diretores de escolas, além do diretor da Escola Municipal de Novas Tecnologias Wesley Dourado, da coordenadora Leia Bastos e da professora Cássia Fiorelli, que as orientaram durante a competição. “As meninas tiveram um tempo muito curto para o desenvolvimento dos aplicativos, e mesmo assim o resultado foi fantástico. Elas ainda não têm ideia do tamanho do que fizeram. Estão ampliando a representatividade das meninas na área da tecnologia, que é predominantemente ocupada pelos meninos”, destacou a professora Cássia.

“Através deste projeto conseguimos identificar o que mais gostamos de fazer e às vezes descobrimos que somos boas em coisas que nem imaginávamos. Tivemos que criar ideias, desenhar uma logomarca, programar e outras coisas que nunca nem imaginávamos fazer”, declaram as alunas Livia Oliveira Gama, Raquel de Barros Xavier, Laura Amorim da Silva, autoras do app Save World, cujo propósito é reduzir o aquecimento global com uma lista de missões que dá ao usuário dicas de como colaborar com o planeta. A cada missão cumprida o competidor ganha pontos.

Das competidoras de todo o Brasil, apenas dez equipes foram para a semifinal. As participantes de São Caetano não passaram para a próxima fase, mas o aprendizado adquirido durante todo o processo (projeto, desenvolvimento, apresentação) foi um ganho para a vida toda.

 “A competição é importante, contudo, mais importante é seguir os seus sonhos. A persistência tem de fazer parte de nossas vidas; para melhorar a gente e também o próximo, como vimos nos aplicativos”, disse o prefeito às estudantes. Estou muito orgulhoso em saber que na Educação de São Caetano do Sul tem muita gente disposta a fazer um mundo melhor”.

 

 APLICATIVOS

EQUIPE: Little Sunflower - Júlia Garcia Cristovão e Ester Pereira do Nascimento (in memorian)

ESCOLA: USCS

APP: Sunflower - app para fazer o descarte correto do lixo eletrônico e achar os pontos de coleta rápidos aqui na nossa cidade.

 

EQUIPE: Cristal Girls -  Livia Oliveira Gama, Raquel de Barros Xavier, Laura Amorim da Silva

ESCOLA: EMEFM Arquiteto Oscar Niemeyer

APP: Save World - app tem a função de reduzir o aquecimento global com uma lista de missões que dá dicas de como colaborar com o planeta de forma lúdica. A cada missão cumprida o participante ganha pontos.

 

EQUIPE: Pink Science -  Ana Clara Sales Almendro, Bianca Amorim de Oliveira, Manuela Spinelli Guidetti, Priscila Sayuri Shinta e Rafaella Zoe de França Vono

ESCOLA: EMEF 28 de Julho

APP: SignalsCam - projeto criado para ajudar na comunicação entre ouvintes e não ouvintes, tendo como foco a inclusão social. O aplicativo usa Inteligência Artifical para reconhecer sinais em Libras e mostrar o significado correspondente.

 

EQUIPE: Beginner -  Guilyne Destine.

ESCOLA: EMEFM Arquiteto Oscar Niemeyer

APP: Help Them - projeto foi feito para ajudar mulheres que sofrem de assédio.

 

EQUIPE: All Star Shine: Valentina Zamboni Foglia, Manoela Espúrio Lamazales

ESCOLA: EMEFM Arquiteto Oscar Niemeyer

APP: Save Animals - objetivo do app é resgatar animais abandonados, maltratados nas ruas.

 

EQUIPE: Girl Power SCS - Clara Carqueijo Mello

ESCOLA: EMEFM Oscar Niemeyer

APP: Figet Hunger - projeto é feito para ajudar as pessoas que passam fome no país, aproximando pessoas que querem doar e as que precisam receber doações.

 

EQUIPE: AuGirls - Raissa Schebanow, Maria Fernanda de Benedito Lucena, Bruna Reis de Souza, Gabriella Godoy Vello

ESCOLA: EMEF 28 de Julho

APP: Pet Friend – app para denúncia contra maus tratos a animais.