Foto: Comitê Paralímpico Brasileiro

A mesatenista Bruna Alexandre, que treina em São Caetano ao lado de outros mesatenistas olímpicos, como o técnico Francisco ‘Paco’ Arado, Bruna Takahashi, Laura Watanabe, Eric Jouti, Vitor Ishiy, Gustavo Tsuboi e Hugo Calderano, conquistou a quarta medalha de São Caetano nos Jogos Paralímpicos de Tóquio.

Na final do tênis de mesa em duplas, Bruna Alexandre e Danielle Rauen perderam para a dupla polonesa, por 2 a 0, nas semifinais, e ficaram com a medalha de bronze, nas classes 9 e 10 (quanto maior o número, menor o comprometimento físico-motor). Nas quartas-de-final, o Brasil venceu a Turquia por 2 a 0.

 

PARTIDA

Medalhista de prata na classe 10, Bruna Alexandre competiu ao lado de Danielle Rauen, da classe 9. A Polônia teve duas atletas vencedoras do bronze na mesa, Natalia Partyka e Karolina Pek, classes 10 e 9, respectivamente.

As polonesas saíram na frente ao vencer o primeiro set por 11 a 7, mas o Brasil logo reagiu e venceu o segundo por 14 a 12. A reação, no entanto, acabou ali com Partyka e Pek vencendo as duas parciais seguintes por 11 a 9 e 11 a 7, fechando a partida e colocando um a zero no placar da disputa por equipes femininas.