Texto: Eliane Parmezani MTb 48.006/Secult PMSCS

Fotos (Divulgação): 'Os Bastianos', com Cláudio Campos, André Soratti e Gustavo Surian

 

A maior festa regionalista de São Caetano do Sul entra, pela segunda vez, em formato digital. A Entoada Nordestina 2021 “Aldir Blanc”, uma realização da Prefeitura de São Caetano do Sul, por meio da Secretaria da Cultura, terá transmissão online no dia 27 de março (sábado), das 12h às 20h, pelo Youtube: www.youtube.com/secultscs. A classificação etária é livre.

O projeto é financiado com os recursos provenientes do aporte recebido pelo município por meio da lei de auxílio emergencial à cultura (14.017/2020). Algumas das atrações incluem manifestações da literatura de cordel, som instrumental, tributos aos imortais da música nordestina, como Luiz Gonzaga e Jackson do Pandeiro, dentre outros grandes nomes. Tem também toada entre causos e músicas, e dança.

Confira a programação. Não é pra ninguém ficar parado!

12h: Canções Nordestinas no Coração de SCS (Idalina Pereira);

13h: O Som do Sertão (Carol Kathellyn);

14h: “Viva Gonzagão!”, Daniela Romero e Renato Cigano (voz e acordeon);

15h: “Caele apresenta: Nordeste, meu Nordeste”, (Levi Pereira);

16h: Na Trilha do Juazeiro, da Cia Canta Circo & Teatro (João Rocha e Weslei Soares);

17h: Ao Som de Uma Orquestra, com a Orquestra Família Pereira;

18h: “Dançando o Brasil”, com o grupo de dança Águia Dourada. Coreógrafa: Letícia Helero;

19h: “Influência de Jackson - Na Pisada do Rei do Ritmo” (Cláudio Campos). Participação do grupo “Os Bastianos”, com André Soratti e Gustavo Surian.

Os projetos estão sendo disponibilizados no Mapa Cultural: mapacultural.saocaetanodosul.sp.gov.br/projeto/3845 e no Facebook da Secult: facebook.com/agendaculturalscs.

 

PLURALIDADE CULTURAL

Marcada pela pluralidade de performances artísticas e de manifestações culturais, a Entoada é uma das mais importantes festas em celebração à rica cultura nordestina de todo o Estado de São Paulo. A primeira edição aconteceu em 2009, no Bosque do Povo, quando foi integrada ao Calendário Oficial de Festejos do Município. 

Já a primeira versão digital do evento foi exibida em 19 de dezembro de 2020 pelo canal da Secult no Youtube, e contou com o apoio do projeto Tradição SP Online, que é parte do programa de fomento “Juntos pela Cultura 2020”, da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e da Associação Paulista dos Amigos da Arte.