Foto: Letícia Teixeira / PMSCS

 

A partir desta terça-feira (19/4) está disponível no site da Prefeitura de São Caetano do Sul a Consulta Pública sobre Política de Educação Especial. “Toda a população poderá participar.  A elaboração dessa política é muito importante, porque ela vai organizar todos os serviços que temos em nossas escolas para o atendimento de estudantes com deficiência. É nosso compromisso com a Educação pública para todos em nossa cidade”, anunciou o prefeito José Auricchio Júnior.

“A política de Educação Especial está sendo construída para que todos os estudantes tenham os seus direitos garantidos”, complementou a secretária de Educação, Minéa Fratelli. No formulário online, a população pode se manifestar indicando se concorda ou não com pontos do documento e deixar comentários. A Consulta Pública começa nesta terça e ficará disponível por uma semana, na hompage da Prefeitura de São Caetano do Sul, ou diretamente CLICANDO AQUI.

 

GRUPO INTERSECRETARIAL

Por meio da portaria 776/22, publicada no Diário Oficial Eletrônico, do dia 10 de março, a Prefeitura de São Caetano do Sul constituiu um grupo de trabalho intersecretarial para elaboração da Política Municipal de Educação Especial, na perspectiva da educação inclusiva.

O grupo de trabalho foi composto por profissionais das secretaria de Educação (Seeduc), Saúde (Sesaud), Assistência e Inclusão Social (Seais) e dos Direitos da Pessoa com Deficiência ou com Mobilidade Reduzida (Sedef):       

 

- Alice Stephanie Muniz Augusto Ramos – Sedef;

- Chirstiane Laporta Minciotti – Sesaud;

- Marilia Felismino Pinto – Seais;

- Paloma Ros Salvador Sanches – Seeduc;

- Patrícia Aparecida David – Seeduc;

 - Renata Helene Ferreira Campos – Seeduc;

- Rosângela Catarina da Costa Estrella – Sedef;

- Simone Borges da Silva Camargo – Seeduc.

 

Essas profissionais fazem a avaliação do funcionamento atual da Educação Especial no município, a partir de suas pesquisas e da consulta à população. Além disso, têm a incumbência de redigir a Política Municipal de Educação Especial, na perspectiva da Educação Inclusiva, assim como possíveis normas complementares específicas.