Foto: Eric Romero / PMSCS

Apesar de ainda viver em meio à pandemia do coronavírus, o ano de 2021 ficou marcado positivamente em São Caetano, por conta da retomada dos programas sociais oferecidos pela Prefeitura à população. Em audiência pública realizada na Câmara Municipal, nesta quinta-feira (7/4), a Seais (Secretaria de Assistência e Inclusão Social) apresentou os números das iniciativas realizadas ao longo do último ano.

De forma detalhada, o secretário Thiago Mata descreveu as áreas de atuação da Pasta, com destaque para ações de proteção social básica, de média e de alta complexidade, com números que apontam o retrato da assistência no município.

Em 2021, 10.385 atendimentos particularizados foram realizados, além de 8.775 acompanhamentos e 1.185 visitas domiciliares realizadas pelas equipes do Cras (Centro de Referência de Assistência Social). “Desempenhamos um papel preventivo no Cras, que preconiza um estreitamento na atenção e na relação com a população, acompanhando integralmente as famílias”, comentou Mata.

Outros setores que foram mencionados na apresentação foram o Creas (Centro de Referência Especializado em Assistência Social), que registrou mais de 3.600 atendimentos no Paefi (Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos), mais de 12.400 abordagens sociais, mais de 3.400 atendimentos particularizados e 216 pessoas em situação de rua.

Os programas sociais Agente Cidadão Sênior e Mais Oportunidade também foram pauta da audiência. “Continuaremos avançando em novas políticas e ações integradas para solucionar os problemas de alta complexidade. Com o aperfeiçoamento dos protocolos e a realização de trabalhos intersetoriais, agregando outras secretarias na execução dos projetos, chegaremos a índices ainda melhores e continuaremos garantindo os direitos de todos os cidadãos”, finalizou o secretário Thiago Mata.