Foto: Letícia Teixeira / PMSCS

O prefeito José Auricchio Júnior assinou nesta sexta-feira (18/2), no CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), convênio com a Secretaria de Estado da Segurança Pública para manter a Atividade Delegada, dirigida a policiais militares que atuam no município, até 2026. São Caetano do Sul é a única cidade do ABC a contar com a iniciativa.

Além disso, também foi assinado aditivo de 51,9%, passando o valor por plantão (oito horas por dia de trabalho) de R$ 158,00 para R$ 240,00. O programa visa aumentar a segurança nas ruas, ampliando o efetivo de PMs em escala especial. Os participantes poderão trabalhar por, no máximo, 10 dias de suas folgas por mês.

Também participaram do ato o tenente-coronel Vlamir Luz Machado, do Comando de Policiamento de Área Metropolitana (CPAM-6), o capitão Rodrigo Rocco Razuk Maluf, comandante da 3ª Cia do 6º BPM, em São Caetano do Sul, e o chefe de Gabinete, Bruno Vassari, o secretário municipal de Segurança, Lourival dos Santos Silva, e o comandante da GCM (Guarda Civil Municipal), Douglas Bispo da Silva.

“São Caetano tem apresentado indicadores de segurança bastante significativos, e isso é resultado da integração das Forças de Segurança, representadas pela Polícia Militar, Polícia Civil e o apoio irrestrito da nossa GCM e da Secretaria de Segurança”, ressaltou Auricchio. 

Nascido em São Caetano, o tenente-coronel Vlamir comentou com o prefeito a alegria de voltar a ter contato direto com sua cidade natal. “São Caetano sempre teve essa peculiaridade de ser parceira da PM, desde os tempos do prefeito Tortorello, que repassava um pró-labore. Hoje, é o único município do ABC que tem a Atividade Delegada com a PM. É um convênio essencial para os resultados alcançados.”

Razuk também ressaltou a importância da renovação do convênio. “Temos um relacionamento estreito com a Secretaria Municipal de Segurança, consequentemente com a GCM. Essa proximidade mantém o padrão de segurança de São Caetano sempre elevado. E a Atividade Delegada faz aumentar ainda mais a sensação de segurança do morador da cidade”, finalizou.

 

GCM

São Caetano conta, também, com a Atividade Diferenciada. Trata-se de um programa voltado à GCM, semelhante ao destinado para a PM, e que amplia o efetivo da corporação nas ruas por meio de escalas especiais de trabalho.